CNH Social – Conheça o que é e como funciona o programa!

Advertising
Advertising

Obter uma carteira de motorista é um dos maiores sonhos do brasileiro, principalmente porque isso permite maior mobilidade em vias urbanas e rurais, e em muitos casos é um atrativo a mais para conquistar vagas de emprego. No entanto, e quem não tem condições de pagar pela CNH? Pode participar do CNH Social!

Uma das grandes queixas dos brasileiros que vão tirar carteira de motorista é justamente com o alto preço cobrado pelas autoescolas para a obtenção da Carteira de Motorista. As taxas são altas, o que dificulta a vida dos cidadãos que não têm condições financeiras de arcar com os custos.

Advertising
Advertising

Com a implementação do programa CNH Social milhares de brasileiros em situação de vulnerabilidade econômica passaram a ter acesso facilitado à carteira de motorista. Leia o nosso conteúdo de hoje até o final e fique sabendo todos os detalhes sobre o programa!

O que é a CNH Social?

O Programa CNH Social também recebe a denominação de CNH Popular dependendo do estado, mas basicamente é um programa pertencente ao governo federal que objetiva facilitar o acesso à carteira de motorista ao maior número de brasileiros possível.

CNH Social
Advertising
Advertising

Essa iniciativa acaba sendo uma ótima saída para muitas pessoas que não tem condições de arcar com os custos na hora da obtenção da CNH. Vale destacar que o principal enfoque do programa é justamente as famílias de baixa renda.

Infelizmente, em todo o nosso país temos quase 30 milhões de brasileiros vivendo abaixo da linha da pobreza, e em função disso, o Governo Federal vem desenvolvendo iniciativas que visam acabar ou atenuar a desigualdade existente.

O CNH Social é um bom exemplo de iniciativa, e permitirá que muitas pessoas conquistem a habilitação para dirigir sem gastar um real sequer.

Quem tem direito a CNH Social?

Fique atento aos pré-requisitos para poder fazer parte do programa, tendo em vista que existem mais algumas exigências, além da análise do perfil econômico do solicitante.

A seguir, reservamos todos esses detalhes para você:

  • Serão admitidas as inscrições de candidatos que sejam maiores de 18 anos de idade. É preciso ter completado a idade mínima, pois no Brasil uma pessoa só pode tirar a CNH tendo maior idade.
  • É preciso comprovar renda de até dois salários mínimos federais;
  • Os candidatos também precisam provar que são beneficiários de algum tipo de programa social do Governo Federal, como por exemplo, o Auxílio Brasil.
  • Caso ainda esteja matriculado na escola, é necessário ter um mínimo de frequência e a instituição de ensino deve ser pública.
  • Os trabalhadores deverão comprovar estarem em situação de desemprego há mais de um ano.
  • O candidato também deverá estar devidamente inscrito no Cadúnico (Cadastro Único do Governo Federal).

Estados que disponibilizam a CNH Social

É válido mencionar que infelizmente não são todos os estados que têm adesão ao programa CNH Social.

Muitos estados ainda estão aguardando trâmites legais e outros simplesmente ainda não aderiram. Da totalidade de estados brasileiros, apenas 13 aderem ao programa. São eles:

  • Estado do Amazonas (Nesse estado o programa é denominado de Programa Detran Cidadão)
  • Estado da Bahia (Denominado de CNH Social)
  • Estado do Ceará (Denominado de Carteira de Motorista Popular)
  • Distrito Federal (Denominado Programa Habilitação Social)
  • Estado do Espírito Santo (Denominado de CNH Social)
  • Estado de Goiás (Denominado de CNH Social)
  • Estado do Maranhão (Denominado de CNH Jovem)
  • Estado de Minas Gerais (Denominado de CNH Social)
  • Estado do Pará (Denominado de CNH PaiD’Égua)
  • Estado da Paraíba (Denominado de Habilitação Social)
  • Estado do Rio Grande do Norte (Denominado de CNH Popular)
  • Estado do Rio Grande do Sul (Denominado de CNH Social)
  • Estado de Roraima (Denominado de CNH Cidadã)
  • Estado do Pernambuco (Denominado de CNH popular)

Como se inscrever na CNH Social?

A partir do momento que você sabe se existe o serviço no seu estado, ou não, poderá providenciar a sua inscrição imediatamente.

O órgão responsável pelas inscrições ao programa CNH Social é o Departamento Estadual de Trânsito (Detran) do seu estado. Portanto, procure o Detran mais próximo de você e informe-se sobre essa possibilidade. Geralmente, no ato da inscrição, o Detran irá exigir a seguinte relação de documentos:

  • Documento de identificação com foto (pode ser RG, carteira de trabalho, etc.);
  • Número de CPF;
  • Apresentação de comprovante de residência que comprove residir no estado em que você solicita o benefício.
  • Comprovante de renda familiar;
  • Se o candidato for estudante, deverá apresentar o histórico escolar;
  • Número de programa social que é beneficiário.

Feita a sua inscrição, basta acompanhar o site oficial do Detran do seu estado, já que será através dele que a entidade lança a lista com os beneficiários.

Se você não conseguiu obter sua CNH por falta de condições econômicas e preenche todos os requisitos para fazer parte do programa, não fique de fora!

artigos relacionados Leia também:
especial
Os melhores cartões de crédito de 2024 Conteúdo desenvolvido por especialistas em crédito

Conheça os melhores cartões de crédito de 2024, cuidadosamente selecionados pela nossa equipe de especialistas em finanças e crédito. Esses cartões oferecem uma variedade de benefícios, desde recompensas generosas até taxas de juros competitivas, garantindo que você encontre a opção perfeita para suas necessidades financeiras.

veja a lista completa